Treinamento e desenvolvimento

Conhecimento é essecial para qualquer organização e é adquirido de diversas maneiras, sejam internos ou externos.

Podemos ajudar a sua empresa no planejamento, organização, criação de conteúdos e aplicação de treinamentos.

Poderemos contrinuir nos treinamentos de capacitação profissional e, principalmente, nos treinamentos comportamentais e de relacionamento.

Uma equipe de trabalho definida para um projeto ou um departamento podem ser muito mais eficientes com um trabalho orientado a integração, formação e fortalecimento de equipes.

  • Treinamento de relacionamento:

    O treinamento foi desenvolvido para integrar e fortalecer equipes e permite que os participantes reflitam e percebam a necessidade de se comprometerem com os resultados organizacionais. Esse treinamento vivencial permite potencializar processos de integração e desenvolvimento das pessoas.

    É baseada essencialmente na metodologia experiencial. Através de exercícios e dinâmicas em grupos, sejam “indoor” ou “outdoor” focada aos objetivos definidos.

    As atividades reforçam as principais atitudes para se trabalhar e ter resultados em equipe.

    Através de atividades lúdicas se obtém comparações e reflexões em relação ao dia-a-dia dentro das empresas.

    O relacionamento é essencial para qualquer ser humano. Nas empresas trata-se de ingrediente fundamental para todas as atividades e níveis funcionais. É um tema que deve ser tratado como estratégico dentro das empresas. É uma eterna preocupação e a cada momento deve ser realizados ações para que a “chama” do trabalho em equipe não se apague.

    As boas relações melhoraram a comunicação, planejamento, cooperação, confiança, etc., e as más resultam em inúmeros prejuízos.

Principais características:

  • Equipes mais comprometidas e integradas resultam em melhor ambiente e resultado para a empresa.
  • A possibilidade de integrar esse evento com processos de comunicação de resultados e objetivos, resultando melhor entendimento e envolvimento com a empresa.
  • Maior maturidade para enfrentar problemas de conflitos e formação de “castelos” dentro da organização.
  • Entendimentos mais fáceis através da metodologia de vivenciar e não apenas conceituar, principalmente considerando aspectos de sensibilidade.
  • Respeito e vantagens obtidas pelas diferenças entre opiniões, visões e preferências entres os membros da equipe.